(34)988917135

NO AR

PEGADA SERTANEJA

Com Fabio Bruno

Brasil

Veja como ficou Arroio do Meio após cheia do Rio Taquari: 'A gente perdeu tudo', diz mãe que reencontrou filha após 15 dias

Município de 21,9 mil habitantes tem 1,4 mil pessoas fora de casa. Rio Grande do Sul soma 107 mortes em razão dos temporais e cheias.

Publicada em 09/05/2024 às 18:56h - 46 visualizações

por Web Radio Clube FM 105,9 Araxa MG


Compartilhe
 

Link da Notícia:

 (Foto: Denys Silva)

Por Alexandre Paz, RBS TV e g1 RS

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
--:--/--:--
 
 
 
 
 

Imagens mostram Arroio do Meio após cheia do Rio Taquari

Moradores de Arroio do Meio, no Vale do Taquari, começaram a voltar ao município de 21,9 mil habitantes nesta quinta-feira (9). A cidade não registrou óbitos, segundo a Defesa Civil, mas teve diversos bairros destruídos pela cheia que elevou o Rio Taquari a mais de 30 metros. O Rio Grande do Sul soma 107 vítimas da tragédia – veja aqui a lista de mortos já identificados.

As imagens mostram entulhogalhos e postes atirados no chão. Algumas casas ficaram destruídas. Veja o vídeo acima.

A representante comercial Fernanda Ferreira havia viajado pouco antes da cheia para o Uruguai. A mulher não havia conseguido retornar ao município para encontrar a filha, que não via há 15 diasVeja o depoimento abaixo.

 

"Ela foi resgatada pelo helicóptero na casa do pai dela, com a graça de Deus. E só hoje eu consegui pegar a minha filha. A gente perdeu tudo", diz.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
--:--/--:--
 
 
 
 
 

'A gente perdeu tudo', diz moradora que reencontrou filha após 15 dias em Arroio do Meio

Arroio do Meio tem 13 mil pessoas fora de suas casas, sendo 1,4 mil desabrigadas.

Uma ponte na ERS-130 passava por cima do Rio Forqueta, na ligação entre Arroio do Meio e Lajeado. As águas subiram a quase 40 metros e destruíram a travessia. Agora uma balsa leva os moradores para a localidade de Barra da Forqueta.

O Exército Brasileiro projeta erguer uma ponte provisória nos próximos 10 dias, a cerca de alguns quilômetros do local. A estrutura deve aguentar veículos de até 70 toneladas.

Cenário de devastação em Arroio do Meio, no Vale do Taquari — Foto: Alexandre Paz/RBS TV

Cenário de devastação em Arroio do Meio, no Vale do Taquari — Foto: Alexandre Paz/RBS TV

 

Vale do Taquari

 

Quem mora em cidades do Vale do Taquari e passou pelas estradas recém-liberadas já não reconhece o que sobrou. Cruzeiro do Sul foi devastada pela força da água. O empresário Ismael Fonseca foi resgatado após dois dias ilhado. Da casa dele, sobraram só as paredes.

"Sem condição nenhuma de voltar a morar aqui. Nossa casa está destruída. Nosso filho tem sete anos, a gente criou ele aqui. Tudo que tem aqui, a gente construiu trabalhando muito. A gente tem isso aqui, mas a gente não vai morrer aqui. Nós não vamos voltar para cá", diz.

Casas destruídas em Cruzeiro do Sul após temporais — Foto: RBS TV/Reprodução

Casas destruídas em Cruzeiro do Sul após temporais — Foto: RBS TV/Reprodução

Moradores do interior de Taquari, na próximo da foz do rio, foram pegos de surpresa ao entrar no Santuário Nossa da Assunção para limpar a igreja após o espaço ter inundado: eles encontraram um boi sobre o altar.

Segundo Samuel Calkmann, que gravou o vídeo, o dono do animal é o sogro dele, que perdeu o bicho quando estava em campo aberto durante os temporais. O rio chegou a subir mais de 30 metros e a suspeita é que o boi tenha sido levado até lá pela água. O animal foi resgatado e devolvido ao dono.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
--:--/--:--
 
 
 
 
 

Boi é encontrado dentro de igreja após cheia de rio em Taquari

 

Temporais no RS

 

O mais recente boletim da Defesa Civil do Rio Grande do Sul aponta que subiu para 107 o número de mortos em razão dos temporais que atingem o estado. A atualização desta quinta-feira (9) ainda indica um óbito sendo investigado. O estado registra 136 desaparecidos e 374 feridos.

Há 232,6 mil pessoas fora de casa. Desse total, são 67.563 em abrigos e 165,1 mil desalojadas (pessoas que estão nas casas de familiares ou amigos). Os relatos dessas pessoas são um misto de desamparo e esperança, um verdadeiro impasse.

O RS tem 428 dos seus 497 municípios com algum relato de problema relacionado ao temporal, com 1,482 milhão de pessoas afetadas.

Cientistas do Instituto de Pesquisas Hidráulicas (IPH) da UFRGS alertam para a possibilidade de elevação do nível do Guaíba após novas chuvas no Rio Grande do Sul. O governo do estado alertou para a ocorrência de chuvas a partir de sexta (10).

 

  • Sexta (10): as chuvas se espalham pelo estado, sendo mais intensas no Centro, Norte, Nordeste, Vales, Região Metropolitana e Litoral Norte (volumes até 120 milímetros); ventos quadrante sul e mar agitado
  • Sábado (11): chuvas seguem fortes e persistentes entre 40 e 90 milímetros, nas mesmas regiões; ventos seguem no quadrante sul e mar agitado.
  • Domingo (12): chuvas seguem intensas com volumes entre 80 e 140 milímetros; ventos de sudeste/leste e mar agitado
  • Segunda (13): chuvas persistem localmente fortes nessas regiões

 

Mapa com previsão de chuva para o RS a partir de quarta (8) — Foto: Reprodução/Governo do RS

Mapa com previsão de chuva para o RS a partir de quarta (8) — Foto: Reprodução/Governo do RS

Além de todas as moradias que terão de ser reconstruídas após as inundações do Rio Grande do Sul, outro desafio será enfrentado pelo estado: a reestruturação de pelo menos 426 escolas estaduais que foram danificadas pela água.

Pelo menos 220 dos 497 municípios do Rio Grande do Sul enfrentam problemas com sinal de telefonia e internet, segundo levantamento da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Sete cidades estão sem sinal.

As ações de socorro contam com o apoio de um helicóptero emprestado pelo governo do Uruguai. O país vizinho enviou uma equipe de oito tripulantes entre pilotos, copilotos, técnicos e socorristas. O papa Francisco destinou 100 mil euros (cerca de R$ 554 mil) para ajudar vítimas. A verba, retirada da Esmolaria Apostólica, departamento da Santa Sé dedicado à caridade, foi destinada para o "auxílio aos desabrigados".

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
--:--/--:--
 
 
 
 
 

Frente fria e novas chuvas preocupam Rio Grande do Sul; número de mortos chega a 107




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Enquete
Qual dessas Redes Sociais voce acessa?

 Facebook
 Instagram
 Twitter
 Youtube







.

LIGUE E PARTICIPE

(34)984204067

Visitas: 52720
Usuários Online: 1
Copyright (c) 2024 - Web Radio Clube FM 105,9 Araxa MG - Whats (34)984204067
Sejam Todos Bem Vindo(a) a sua Web Radio Clube Fm 105,9 Araxá MG